quinta-feira, 25 de setembro de 2008

Canada...... vivendo num conto de fadas.

Quando eu participava dos encontros de futuros imigrantes, seja qual fosse a cidade sempre encontravamos aqueles que acreditavam, ou acreditam que vir para o Canada é como viver um conto de fadas. Vai chegar aqui, fazer a maldita francisação, vai sair falando frances dela, arranjar um emprego e viver feliz para sempre. Bem... se olharmos de grosso modo é mais ou menos o final q todos sempre buscamos... mas o problema sao os "entretantos" que "enriquecem" a historia acima... :)

Desde que chegamos, eu e a Anna, para conseguir chegarmos no ponto em que desejavamos logo para os primeiros meses foi uma batalha. Muitos percalços, empecilhos, surpresas.. mas isso tudo como disse acaba enriquecendo nossas lembranças e dando mais prazer ao olharmos para tras.
Mas enquanto o final feliz nao chega, eu aqui entre meus afazeres domesticos fiquei viajando nos tais contos de fada. Realmente... a vida aqui pelo menos para mim esta um verdadeiro conto de fadas... ou melhor, 2 contos ao mesmo tempo...hehehe :D


A formiga e a cigarra

Como estao os dois empregados, com trabalhos que podemos ir levando por um bom tempo ate a fase 2 de nosso projeto de adaptacao, que sera o estudo, toda a nossa rotina no momento esta voltada para o inverno. Quando tenho um tempo livre, la estou eu... pintando a parede, cobrando da concierge as reparaçoes que devem ser feitas para quando o frio e a preguiça de esquiar/patinar chegarem, termos um cantinho aconchegante para ficarmos. As economias de nossos esforços que esta entrando durannte este final de calor esta indo todo para o conforto do lar, para as roupas de frio, os brinquedinhos eletronicos tao necessarios durante o proximo inverno. Tenho lido/escutado que esta previsto de 6 a 7 metros de neve no inverno q se aproxima. Entre uma pincelada e outra na parede acabei me sentindo a verdadeira formiga, economizando, ralando para poder desfrutar do inverno... Mas tb quero me esbaldar como a cigarra na estacao de esqui... uh uh!!!! :D


Os très porquinhos
Diz a estoria q o lobo veio, e com um sopro derrubou a casa de palha de um dos porquinhos. O porquinho desabrighado foi procurar uma protecao maior na casa de madeira do segundo porquinho, nao é isso? Pois é... aqui o pessoal parou na segunda casa e ficou feliz...rs. Os trèis prorquinhos daqui além de terem parado e se contentado com as casinhas de madeira, ainda resolveram cortar os custos e as fazem misturando madeira, papelao e gesso. Ai vem um anonimo e comenta depois "... e a madeira tem uma isolaçao termica melhor... bla bla bla". Oras, va falar isso para o meu vizinho daqui de baixo q ja veio aqui um dia la pelas 22:30hs pedir gentilmente "..vcs poderiam por favor parar de andar no teu apartamento??" QUOI ?!?!?!? Parar de andar na minha propria casa!?!?!??!?!?! Qualé !! Ta fumando o que ????? Ë jamaicano... indiano ou CUbano ??? (rs)
Bem, o fato de andar de tenis dentro de nossa casa pode incomodar o vizinho de baixo. A Anna entendeu que nao é apenas no inverno que se deve andar de chjinelo dentro de casa.... que nao tem haver apenas com o fato da neve molhar o apartamento... tem a ver com a porcaria da historia dos 3 poquinhos! Quer isolar termicamente com madeira (e fibra de vidro), ok... mas faz uma laje de gente, meu deus! Ate as favelas do RJ sao de alvenaria, pq aqui nao conseguem fazer o mesmo? Mas nao adianta , é assim e continuara sendo por um bom tempo. Pelo menos se querem fazer algo de maderira, pelo menos poderiam fazer bem feito.

Vamnos ilustrar a "estoria" :)















O acabamento é algo q geralmete fica a desejar quando o assunto nao é um imovel novo. O que varia entre um imovel e outro sao os detalhes.. cada um tem o seu. No nosso o que estraga no acabamento sao as junçoes. Parede, porta, chão... tudo tem um vão, e quando andamos em alguns pontos do piso geramos aqueles rangidos tipicos de filme de pirata quando a nau esta em alto-mar. Espero q esse ap pelo menos nao afunde!!!
A foto do interruptor de luz mostra bem como é a tecnica de "abandonar o navio"q utilizam aqui quando chega o dia da mudança. Nao estao nem aí.. pintam o espelho do interruptor e esta tudo "propre"... lindo, nao ?! Ja a porta de entrada de casa lembra muito o castelo da "rainha de copas" de Alice no mundo das maravilhas. Se alguem tomar um acido vai achar q ja esta batendo o erfeito antes de entrar em casa. Mais psicodelica que isso so se fosse pintada nas cores tipicas dos apartamentos aqui... Verde limao... abóbora... etc...


Em todos os apartamentos q vou de visita, sempre exite um porem... Seja estetico, seja algo q incomode mesmo. Acredito q por isso que o sonho da maioria dos brasileiros q chegam por aqui passa a ser morar na casa do terceiro porquinho, a de alvenaria. Coisa rara, mas diz a lenda q ela existe... em algum reino bem distante.....

Um comentário:

Patricia, Marcelo e Cia. disse...

Amei os contos!! principalmente o da Cigarra e a Formiga!
é o meu preferido depois da d.Baratinha...hehe...
Vou te confessar uma coisa,por aqui também estamos nesse esquema de trabalhar muito pra poder chegar logo aí e recomeçarmos nossas vidas..
Depois de uns passeios em terras desconhecidas iremos voltar ao esquema da Cigarra e a Formiga novamente!
C'est la vie mon ami!
bj