segunda-feira, 30 de junho de 2008

Dia da mudança

Nota Editorial (:P)
Duas semanas sem escrever nada... to começando a ter crise de abstinencia! :)

Geralmente vejo blogs sendo descontinuados depois q chegam por aqui, ou logo que veem suas vidas se tornarem uma confusao de novidades e coisas a fazer. Espero q o meu nao tome o mesmo rumo, pois ja ensaiei diversas vezes fazer um, e agora q pegou no tranco nao pretendo abandonar a tarefa de escrever tao cedo. Posso me ausentar de vez em quando, mas com certeza serao por boas razoes.

Fiquei esse tempo todo sem escrever nada por diversas razoes... claro q tem de existir uma, mas dessa vez foram varias, porem boas.



Muitas mudanças!!!!
Aqui quem nao tem amigos, entra em apuros! Como havia comentado antes, houve uma aliança entre alguns amigos para todos se ajudarem em suas mudanças no famoso "dia da mudança" que acontece no mesmo dia que o "dia do Canada". Dois finais de semana anteriores ao primeiro de julho portanto foi a mudança da Valéria e do André (#1/3). No FDS anterior ao feriadao foi a vez da Dafne e Pedro com seus filhos Maria, Henrique e Juliano(#2/3)... e claro, sempre por ultimo la na lanterninha, nos!!! (#3/3# :)

A mudança do Andre e Valeria por ser para um predio com elevador, artigo nao muito comum por aqui, facilitou um pouco. O trabalho foi feito por 4 amigos (incluindo eu...claro), mais o vizinho e outro amigo, que possuiam um pequeno reboque. Muita gente so tem esses reboques pois preferem fazer por si mesmos suas mudanças. As muitas caixas que possuiam foram na Grand Caravan que eles tem. Graças a um compromisso que tinha naquele sabado nao pude ajudar ate o final da mudança, mas mesmo com o dedao ainda avariado ajudei no que pude.
Na semana seguinte, com o dedao melhor pude ajudar mais carregando mais peso (e bota peso nisso!) na mudança do Pedro. Foi um dia inteiro de mudança, das 9:00hs as 17:00hs... Nessa, alem de mim e do Andre, o Pedro tb fez o que a maioria por aqui faz, contratou uma camionete para levar os moveis maiores e mais pesados. Geladeira, fogao, cama...etc seriam todos carregados no reboque da camionete e ainda mais o espaço da caçamba da camionete.
Assim q a camionete chegou, logo houve um principio de confusao, pois pelo que eu havia entendido e acredito q todos ali tb, inclusive quem contratou a camionete, o combinado havia sido PELO MENOS 2 horas de mudança... mas ele logo foi avisando que teria de partir para outra mudança ao meio dia. Ou seja, nao seria mais pelo menos 2 horas de trabalho ...e sim no maximo 2hs!!! A correria foi estabelecida! Conseguimos fazer o transporte do que era mais pesado e volumoso nestas 2 hs.

Um breve pareneteses
Nada como um dia como esse para notarmos o ritmo da cidade e da educaçao do povo daqui.
Ao final da utilizaçao dos serviços desse simpatico senhor (mudou o combinado...mas era simpatico...rs), ele que havia estacionado a sua caminhonete bem na entrada da garagem para descarregarmos tudo, mesmo atravancando os moradores que ja estavam fazendo fila para entrar no predio( ja eram 4 querendo entrar), calmamente pegou um balde com agua, subiu na sua caçamba e começou a lavar o carro ali mesmo... ignorando que ele precisava sair dali para que os moradores pudessem estacionar seus carros. Eu nao me contive, comecei a dar risada quando vi a cena... Folgado era apelido para esse. O Andre teve um ataque de nervos e começou a gritar falando para ele tirar aquela carroça de la imediatamente. E nao eh q o filho da mae continuou lavando a caçamba sem se importar com a fila! É... educaçao parou ali... deu meia volta e voltou para casa. Ate o velhinho que era o primeiro da fila tacou a cabeça para fora do carro e começou a reclamar. Isso sim é coisa dificl de acontecer por aqui. Pelo menos ali tinha tambem quebecoi batendo boca com quebecoi...
Dia de mudança... dia de estresse....

Enfim chegou a nossa vez. Como nao tinhamos muita coisa para levar nossa mudança foi misturada com outras coisa que o Andre tinha para fazer, como pegar alguns itens que haviam ficado no apartamento antigo e leva-los para o apartamento de onde estavamos saindo, de propriedade dele, e outras coisas que haviam sido compradas por nos foram para nosso novo ap.
Pegamos nossas coisas e trouxemos para o novo apartamento, parte na caravan dele (uma mao na roda esse carro para essas ocasioes) e parte no nosso carro. Eu subi praticamente tudo sozinho para o novo endereço, com excessao da maquina de lavar e secar, as quais tive ajuda do Andre e do Pedro. A Anna ficou mais de papo com a Valeria do q qq coisa. É... dia de mudança = estresse + suor. Pelo menos fiquei 100% livre da faxina. Se me serve de consolo, a faxina demorou mais de um dia....rs. Eu pelo menos fiquei como burro de carga por apenas algumas horas... :P


Pelo menos agora estamos num apartamento espaçoso, 2 quartos, um banheiro, cozinha razoavel, varanda... e claro, com varios detalhes a serem acertados. Tiramos fotos para livrarnos de qq responsabilidade na hora de sairmos daqui, chegou nossa geladeira e fogao em aço escovado... lindas e zero km!! Agora so falta o resto... cama, sofa, uma mesa decente para jantar, etc...


Lixo deixado para tras
Essa fase de algumas semanas antes da mudança e a semana apos a mudança é a época onde mais coisas sao largadas na calçada. Pelo que eu lia nos foruns de imigraçao, eu imaginava ser uma coisa meio perdida. Uma tv aqui... outra escrivaninha ali... algo meio escondido. Mas nao.. nao 2 vezes, pois o que sera abandonado na mudança começa a aparecer varias semanas antes... e claro... muito lixo! Existe os achados, mas vc tem de estar sempre atento e estar no lugar certo na hora certa. A bicicleta ao lado nao me interessava, mas foi uma das poucas coisas q vi que pareciam estar em bom estado. Tb existe o fato q estavamos morando numa regiao onde acreditamos existirem mais proprietarios que locatarios, entao a festa do lixo nao foi tao boa. Muitos sofas velhos, alguns ainda estavam em bom estado, mas nao calhava com momentos que poderiamos pegar, ou a distancia nao nos permitia. Colchoes velhos, mesinhas de MDF, muita coisa ruim...










MASSSSS... encontramos 2 microondas em otimo estado, e outros fornos eletricos muito sujos. Um microondas ficou conosco e outro ficou com nossos novos amigos Jucilene e Arnaldo de Curitiba, que estao aqui faz 2 meses. No inicio dessa semana a Anna foi trabalhar e ainda cedo pela manha ela viu uma Tv de umas 29" aqui em Sainte-Foy. Como era cedo e ela tinha hora nao pegou, e nem me avisou. Na hora de voltar ela fez o mesmo caminho para ver se a TV ainda estaria la...e.... estava! Ela me ligou e desci rapidinho e fomos la pega-la :D Nossa primeira TV ainda nao é de LCD, mas ta mais q suficiente para quem mal assiste TV. Ela até funciona...rs... depois de uns minutos esquentando a imagem fica perfeita (hahaha!!!)... e para melhorar a tv a cabo do novo ap ainda nao foi desligada, entao estamos aproveitando a Videotron enquanto nao fazem as desconexoes. Pelo que houvimos falar, isso de deixarem o sinal funcionando é comum, e apos algumas semanas eles desligarao. Pelo menos o test drive esta valendo a pena e ainda fico treinando minha compreensao.

Telefone
Mudar o telefone de endereço tb acreditei q fosse tomar muito tempo, mas ainda bem q as informaçoes que haviam nos dado estavam erradas... tanto no fato que mudariam nosso numero assim como o prazo para re-instalarem a linha. Liguei no dia 29 solicitando a alteracao de endereço, marcaram para o dia 3 a desconexao e no mesmo dia seria feita a reconexao no novo endereço. Acredito que tenha sido isso mesmo q aconteceu, pois como o telefone nao funcionou ate o final do dia 3 liguei para a BELL reclamando e dois dias depois chegou um tecnico em casa para verificar o q acontecia. Se o problema fosse meu aparelho eu teria de pagar 60 dolares por minha incopetencia em diagnosticar o problema...rs, mas pelo menos nao foi dessa vez. O problema era mais embaixo... mais precisamente no quadro telefonico do predio. 5 minutos depois q ele chegou a internet ja estava ok aqui.
Ainda depois disso houve um problema num cabo telefonico novo q comprei e ficamos sem telefone novamente por uma semana. Mas um dia antes da nova visita do tecnico q eu havia marcado descobri a fonte do problema e troquei o cabo...antes de morrer 60 dolares por incopentencia... de novo! hehehe

2 comentários:

Carolina disse...

Puxa! Quanta atividade!...mas graças a Deus por esse novo apartamento, né?!

abç,
Carol.

Lacerda disse...

Luiz e Anna,

Eu e Katarina estamos lendo agora suas notícias aqui no seu blog. Estamos nos divertindo muito com suas histórias até agora e só vamos parar quando chegarmos ao seu último post.

Um abraço,

Emmanuel & Katarina